Marrone revela ter sofrido com crises de pânico e claustrofobia

"O que resolveu meu problema foi o psiquiatra”, contou ele

  • Publicado: Núcleo Digital - 03/06/2020

Durante recente entrevista concedida ao programa “Conversa com Bial”, da TV Globo, o sertanejo Marrone, da dupla com Bruno, revelou que teve que se tratar de alguns problemas psicológicos que acabou desenvolvendo ao longo de sua vida, que ele atribui como um dos momentos mais difíceis.

Apesar de já ter se recuperado, Marrone confessou que recebeu tratamento para crises de pânico recorrentes e claustrofobia. Segundo ele, as sessões de terapia foram fundamentais para que melhorasse. “O que resolveu meu problema foi o psiquiatra”, contou ele.

Só com a ajuda de um profissional foi que o sertanejo conseguiu descobrir os motivos para lidar com a doença. “Nossa vida é muita adrenalina. Na época, o meu problema com claustrofobia tinha tudo a ver com família”, explicou.
Mas a dupla não tem mais muito com o que se preocupar. Em sua primeira live nos canais digitais, os sertanejados alcançaram 30 milhões de visualizações, o que rendeu o título de 2ª live mais assistida no Brasil, além de gerar muita repercussão nas redes sociais.

Image